Filmes sobre saúde: veja nossas 7 indicações!

Publicado por IDE CURSOS em 27 de fevereiro de 2018
Categorias:
Filmes sobre saúde: veja nossas 7 indicações!

Quando falamos em filmes sobre saúde, fato é que a maioria deles possui histórias e enredos emocionantes e inspiradores. Baseando-se no contato humano, e em todas as nuances que formam e fazem parte da vida, situações do cotidiano são apresentadas, desenhando a realidade em cada cena. Assim sendo, qualquer pessoa pode tirar bons ensinamentos e passar prazerosos momentos de entretenimento ao assisti-los.

Aos profissionais da saúde, a prática pode ser ainda mais conveniente, pois muitos dos filmes dialogam perfeitamente com o que vivenciam em suas rotinas. Muitas reflexões que motivam o exercício da profissão podem ser geradas, trazendo novos estímulos para quem integra e interage nesse universo.

Então, ficou curioso para conhecer alguns deles? Nós podemos ajudar! Neste post, listamos 7 filmes sobre saúde que certamente podem trazer boas contribuições e aprendizados para suas horas de lazer. Separe a pipoca e confira!

1. O Óleo de Lorenzo

Basicamente, o filme nos traz a história de um menino que padece de uma grave doença degenerativa, chamada adrenoleucodistrofia (ALD). Os pais do garoto, mesmo sofrendo com o pessimismo dos médicos, buscam sozinhos por formas de salvar seu filho.

Nessa empreitada emocionante, eles conseguem descobrir um componente — o óleo de Lorenzo — capaz de retardar o progresso da doença. Por ser envolvente e bem construída, a trama nos traz grandes ensinamentos sobre resiliência.

2. Mar Adentro

Mar Adentro é um filme que trata de um assunto muito delicado e suscetível de polêmica: a eutanásia. Baseado em fatos reais, é uma história cheia de emoção que conta sobre a vida de Ramón Sampedro. Em sua juventude, um cruel acidente o deixou tetraplégico, fazendo com que ficasse preso em uma cama pelo resto de seus dias.

Diante de todo o seu contexto de vida, Ramón decide lutar na justiça, sofrendo enfrentamento da família e da igreja, pelo direito de se submeter à eutanásia. Com isso, o filme nos mostra uma visão da morte partindo da vida.

3. Clube de Compras Dallas

Passada nos anos 80, a trama conta a história de um homem homofóbico que ao fazer um exame de rotina descobre estar acometido, já com a doença em estado avançado, pela AIDS. De imediato, acontece, por parte dele, a não aceitação da enfermidade. O filme mostra como nessa época o tratamento era restrito e a falta de informações gerava fortes preconceitos.

Ao começar a padecer com mais intensidade dos sintomas, o protagonista (interpretado por Matthew McConaughey, em uma atuação que lhe rendeu o Oscar de Melhor ator) decide encarar o problema e buscar por si mesmo uma intervenção para o seu caso.

A saga em busca de um remédio para a AIDS faz com que ele se submeta a terapias alternativas e desconhecidas. Assim sendo, o longa-metragem aborda, em detalhes, o processo de inicialização do uso com as primeiras drogas do coquetel antirretroviral.

4. O Renascimento do Parto

O Renascimento do Parto é um documentário nacional que nos traz um enredo atual e informativo sobre a grave realidade obstétrica brasileira. A trama aborda como muitas mulheres, ao dar à luz a seus filhos, sofrem violência desnecessária. Mostra também o número preocupante de partos com intervenção traumática e de cesarianas desnecessárias.

O filme leva a muitas reflexões sobre as formas hospitalares vigentes que são, muitas vezes, muito agressivas tanto à mulher quanto à criança na hora do parto. Diversas questões que envolvem a saúde pública e particular vêm à tona e levam a bastantes questionamentos sobre o assunto.

5. 100 Metros

Esta obra nos apresenta a representação de uma história real de superação e de resiliência, vivida por Ramón Arroyo que, aos 32 anos, foi diagnosticado com esclerose múltipla (uma doença autoimune) já em estado avançado.

Ao ser informado, pelos médicos, que dentro de um ano, ele seria incapaz de andar 100 metros, Ramón viu seu mundo ruir. Porém, ao questionar as limitações de seu corpo, ele decidiu substituir o sentimento de derrota por resistência.

Assim sendo, com a ajuda do sogro, inscreveu-se para competir no Ironman — uma prova de triatlo composta por 180 km de bicicleta, 3,8 km de natação e 42 km de corrida. 100 Metros é um filme cheio de superação e de reviravoltas, que nos mostra o quanto um ser humano pode reinventar-se, mesmo em meio à gravidade de sua condição.

6. Para Sempre Alice

O filme Para Sempre Alice conta a história de uma professora universitária especialista em Linguística que, aos 50 anos de idade, descobre ter sido acometida de um caso raro de Alzheimer que age precocemente.

De uma mulher ativa, culta, que tinha uma rotina de trabalho agitada e adorava brincar de palavras-cruzadas, Alice começa a esquecer, de um dia para o outro, as palavras que sempre preenchia e a se perder no caminho habitual para o trabalho, entre alguns outros incidentes.

Ela passa então a ter que conviver com uma doença que não age de uma vez, mas evolui de forma lenta e traiçoeira. Tendo ciência de sua condição, ela sente-se cada dia mais triste pelo seu estado.

Para Sempre Alice é uma trama de muita sensibilidade que fala, por meio da convivência com o Alzheimer, sobre os valores das relações humanas, a formação da identidade individual e a percepção do outro.

7. Adam

A trama conta a história de Adam, um jovem que sofre da síndrome de Asperger, uma condição do espectro autista. A doença é caracterizada por dificuldade de interação social e de comunicação não verbal, além de padronização de comportamentos repetitivos.

O filme mostra as tantas dificuldades que Adam enfrenta em sua condição, que se intensificam depois da morte de seu pai. Porém, tudo muda quando o rapaz passa a relacionar-se com sua nova vizinha, Beth. Muitas descobertas e desafios são encarados pelos dois, que buscam superar as muitas diferenças e dar uma chance para o amor.

Além disso, é uma história de muitas emoções, que agrega grandes reflexões sobre a vida. No filme, a síndrome de Asperger é desmistificada, na medida em que o cotidiano de uma pessoa que tem a doença é mostrado com maestria.

Esses são alguns dos filmes sobre saúde que, com suas particularidades, acrescentam bons ensinamentos e envolvem a todos com as sutilezas que fazem parte dessa temática incrível. Agora que você já sabe um pouco sobre cada um deles, que tal escolher algum e assisti-lo hoje mesmo?

Aproveite e compartilhe este post em suas redes sociais para que seus amigos também possam usufruir essas boas dicas da sétima arte!

Posts relacionados